F-1 Últimas Notícias

Fórmula 1: Ferrari vai recorrer da punição a Vettel

  •  
  •  

A Ferrari pretende contestar a punição, e apresentar “nova evidência” que acredita ser permitida.

A equipe Italiana afirma ter tentado recorrer da decisão dos comissários do GP do Canadá contra Sebastian Vettel, que perdeu a corrida para Lewis Hamilton.

O Regulamento Desportivo da F1 declara que os apelos ao longo do tempo não são admissíveis. Mas houve sugestões em Montreal na noite de domingo de que novas evidências viessem à tona em torno do incidente que a Ferrari ainda poderia rever a decisão, se os administradores concordassem.

“Eu não acho que ele poderia ter feito as coisas de forma diferente, e é por isso que decidimos recorrer da decisão dos comissários “, disse o chefe da equipe Mattia Binotto em um comunicado.

A Ferrari ainda não elaborou seus planos exatos.

Binotto comentou: “Não havia intenção alguma no que [Vettel] fez. Ele ainda estava na frente e tentou manter sua posição na pista, tão simples quanto isso.  O público tem a sua opinião hoje e não apenas o público, seja quem for que você possa perguntar. Estamos muito desapontados com o que aconteceu e houve situações muito semelhantes no passado que também não foram julgadas como hoje.”

Para a equipe Ferrari, “Vettel foi o vencedor moral”.

Vettel recebeu a penalidade de cinco segundos por forçar Lewis Hamilton a sair da pista quando voltou à pista depois de ter errado na entrada da chicane e ter passado sobre a grama. Os comissários consideraram a entrada de Vettel “insegura”, mas tanto o piloto quanto Binotto discordaram fortemente da decisão.

Minutos após a corrida, o chefe da Ferrari disse: “Ele ficou na frente durante toda a corrida, cruzou a bandeira quadriculada primeiro e para nós ele é o vencedor moral”.

“Nós vencemos hoje. Fomos os mais rápidos na pista hoje e isso é importante.”, concluiu Binotto.

“Eu não ficaria feliz de estar nas arquibancadas, vendo que, durante 70 voltas, houve uma briga e você explode por uma decisão como essa”, disse Vettel, chateado, mas calmo, a repórteres várias horas depois da corrida.

Perguntado pelo repórter da Sky Sports News, sobre um possível apelo: a Ferrari tem um argumento?

Binotto respondeu, “Basicamente, o argumento de Vettel é: quando eu estava na grama, perdi o controle do meu carro, não consegui controlar a direção corretamente, não havia como voltar à pista com mais segurança.”

“Pelas regras, ele impediu uma manobra de corrida legítima de Hamilton e é por isso que os comissários emitiram a sanção.”

“De fontes no Canadá eu entendo que havia vários outros ângulos que nós podemos não ter visto que poderiam ter dado aos comissários a idéia de que Vettel poderia potencialmente ter feito um pouco mais para sair disto.”

“Eu não faço o apelo chegar a lugar nenhum. Eu ficaria muito surpreso se ele fosse ao seu Tribunal de Arbitragem.” conclui Binotto.

Fotos Divulgação/Internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *