F-1 Últimas Notícias

Formula 1: “Yes! Marina, Its over Fernando”.

  •  
  •  

A Fórmula 1 se despede da temporada 2018 e testemunha despedida de um de seus maiores pilotos.

Opinião Regii Silva:

Fico eu aqui imaginando como deveria ser a despedida de, em minha opinião, um dos cinco melhores pilotos que eu, ao longo de mais de trinta anos acompanhando a Formula 1, e a mais de vinte escrevendo sobre, vi correr.

Para traçar um pequeno paralelo, e sem de maneira nenhuma querer comparar, nem o carisma de Felipe Massa, que falta em Fernando, nem a velocidade pura de Fernando com quem quer que seja, mas, uma das cenas mais linda que vi até hoje na Formula 1 foi justamente a despedida de Felipe Massa em Interlagos em 2016, quem não se lembra? Todos os mecânicos da maioria das equipes perfilados aplaudindo Felipe, tudo bem que naquela ocasião o destino fez sua parte, a Williams parando na entrada dos boxes, o Safety Car na pista, enfim, tudo conspirou para o momento.

Em se tratando de Fernando Alonso, dizer adeus a algo que parece inseparável é estranho, afinal, os melhores deveriam estar e permanecer na melhor categoria do Mundo, ainda que nos dias de hoje o talento não seja mais um pré-requisito para se atuar na Formula 1, nós das antigas ainda achamos que pessoas fora do comum, como Pelé, Maradona no Futebol, Michael Jordan e Mágic Johnson no Basquete e alguns pilotos de Formula 1 deveriam ter fôlego e lugar garantido.

Neste domingo, na 55ª volta do circuito de Yas Marina em Abu Dhabi, nos últimos 5.554 metros, se a sua fraca McLaren não deixá-lo a pé antes disso, estaremos vendo a ultima volta de uma das ultimas unanimidades da Formula1, há os que o amam e os que o detestam, porem as criticas, quando feitas, são sempre dirigidas à sua personalidade e nunca à sua velocidade, sua capacidade dentro de um carro de corrida jamais foi discutida, ordens de equipe, tiveram sim, mas nem isto e nem mesmo o “caso Singapura” conseguiram colocar em duvida sua velocidade.

Nos carros vencedores Alonso foi Campeão, nos carros perdedores ele conquistou pódios, nos carros péssimos ele pontuou e nos carros inguiáveis ele mostrou seu verdadeiro talento.

Neste ultimo GP, sugiro esquecermos o penta de Hamilton, dos deslizes de Vettel e da Ferrari, da impetuosidade do jovem Verstappen, das quebras que só acontecem com Ricciardo, da apatia de Bottas, do anuncio da contratação de Kubica, da manobra de Ocon ou das saídas de pista de Grosjean, sugiro que desde os primeiros treinos livres prestemos atenção em cada atitude de Fernando Alonso pois estaremos presenciando o ultimo final de semana de um dos grandes deste esporte.

Toda sorte ao Espanhol na busca de sua “tríplice coroa” e quem sabe ainda o veremos um dia retornar como fez outro grande, Michael Schumacher, quem sabe?

Fotos Divulgação/Internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *