Sem classificação

Fórmula E: Di Grassi: “Vamos pra briga em Nova Iorque”

  •  
  •  

Lucas pontua na Suíça, vê rival abrir vantagem mas não desanima para a grande final

O e-Prix de Berna era uma das etapas mais importantes para os pilotos que disputam o título da temporada 2018-2019 do Campeonato Mundial de Fórmula E. Mas as coisas não aconteceram como esperava o brasileiro Lucas Di Grassi, da equipe Audi Sport. Em uma pista difícil, estreita, com vários pontos perigosos e com possibilidades de ultrapassagem bastante complicadas, o brasileiro enfrentou problemas com o carro na definição do grid, obtendo apenas o 19º lugar no grid. Di Grassi ainda conseguiu chegar em décimo e pontuar, mas viu o principal rival na briga pelo título abrir 33 pontos de vantagem – com 55 pontos ainda em jogo na rodada dupla final, a ser realizada dia 13 de julho em Nova Iorque.

A vitória de Vergne, atual líder do campeonato, não tirou o ânimo do piloto brasileiro. “Como dizem, o campeonato só acaba quando termina. Ainda temos duas corridas no e-Prix de Nova Iorque e nós vamos brigar até o fim”, disse ele. “Realmente nosso resultado aqui em Berna poderia ter sido melhor, especialmente se considerarmos que vencemos na etapa anterior, em Berlim. Temos 20 dias para nos preparar e tentar dois pódios ou vitórias nos Estados Unidos. Vamos pra cima”, completou o brasileiro.

Com o resultado deste sábado na Suíça, o francês Jean-Eric Vergne (equipe DS Techeetah) passou a somar 130 pontos, contra 98 do alemão André Lotterer (DS Techeetah) e 97 do brasileiro Lucas Di Grassi. A seguir estão o neozelandês Mitch Evans (Panasonic Jaguar Racing), 87, com o português António Félix da Costa (BMW Andretti) e o holandês Robin Frijns (Envision Virgin Racing) totalizando 82 e 81 pontos, respectivamente na quinta e sexta posições.

Fotos Audi Motorsport

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *