Fórmulas

Pedro Piquet disputa a temporada 2020 da Fórmula 2 pela Charouz Racing System

Brasiliense chega ao último degrau antes da F1 credenciado por vitórias e top5 no campeonato da FIA F3, vice-campeonato na Toyota Racing Series e bicampeonato na F3 Brasil

Pedro Piquet Divulgação

Brasiliense chega ao último degrau antes da F1 credenciado por vitórias e top5 no campeonato da FIA F3, vice-campeonato na Toyota Racing Series e bicampeonato na F3 Brasil

Pedro Piquet vai defender a equipe Charouz Racing System no campeonato 2020 da FIA F2.

O brasiliense de 21 anos de idade é anunciado nesta quarta-feira como titular de um dos carros da equipe fundada em 1985 na República Tcheca. Ele vai disputar as 12 rodadas duplas da próxima temporada. O campeonato tem início no Bahrein, entre 20 e 22 de março, e termina nos Emirados Árabes Unidos, em 29 de novembro.

Pedro Piquet Divulgação

Exceto pela pista de abertura do campeonato e pelos circuitos urbanos de Mônaco e Baku (Azerbaijão), Pedro Piquet já competiu em todas as pistas do calendário ao longo de seus quatro anos no automobilismo europeu. O mais jovem representante do clã Piquet nas pistas chega à F2 credenciado por vitórias pela FIA F3 e GP3 em pistas icônicas como Silverstone, Monza e Spa-Francorchamps -onde venceu a corrida 1 em 2019 com direito a melhor volta da prova. Pedro é o único brasileiro a vencer corridas pela GP3 e sua sucessora a FIA F3, tendo terminado o campeonato de 2019 em quinto lugar e o de 2018 em sexto. É dele também a melhor performance de um brasileiro na Toyota Racing Series, com o vice-campeonato conquistado na Nova Zelândia em 2017. Antes, Pedro havia dominado a F3 Brasil com o bicampeonato em 2014 e 2015.

A FIA F2 é a sucessora da GP2, categoria fundada em 2005 e que teve Nelson Piquet Jr, irmão mais velho de Pedro, como primeiro brasileiro a vencer corrida e vice-campeão para Lewis Hamilton em 2006. 11 dos 12 campeões da GP2 entre 2005 e 2016 assumiram postos de titulares da F1 na sequência de suas carreiras. Em 2017 a categoria mudou de nome para FIA F2 e consagrou o hoje ferrarista Charles Leclerc como campeão; no ano seguinte o título ficou com o atual piloto da Williams George Russel. Em 2019, o campeão foi o holandês Nick de Vries, titular de um dos carros da Mercedes na atual temporada da Fórmula E.

Pedro Piquet festeja vitória em Spa na corrida 1 da F3 em 2019 Divulgação

Pedro Piquet acelerou pela Charouz Racing System há duas semanas, nos três dias de testes coletivos realizados em Yas Marina após o término da temporada 2019. Mostrou rápida adaptação com o equipamento e percorreu um total de 245 voltas (ou 1.360,7 km). Em três das seis sessões ficou no top10, terminando uma vez em sexto e outra em quarto, à frente de alguns competidores regulares da F2.

Piquet volta ao carro da última categoria de acesso antes da F1 a partir de 1º de março do próximo ano na pista de Sakhir (Bahrein) para mais uma jornada de testes coletivos.

O que eles disseram:

“Estou muito contente em subir para a F2 com a Charouz Racing System. A experiência nos testes de Abu Dhabi foi muito positiva e me senti em casa desde o primeiro contato com o carro, tanto nas simulações de classificação quanto de corrida. É um carro de 620 cavalos, muito veloz comparado com o F3 e freia muito mais também, com o sistema de freios de carbono. Vamos com motivação em alta para o campeonato”

Pedro Piquet

“Estamos empolgados em receber o Pedro em nosso time e motivados para proporcionar todo o apoio necessário neste passo tão importante em sua carreira. Acompanhamos de perto seu progresso durante a F3 na temporada passada e ele nos impressionou ao testar o F2 pela primeira vez em Abu Dhabi nos testes pós-temporada. Pedro aprendeu rápido, mostrou ritmo e se adaptou no time com facilidade. Vamos trabalhar forte para ajudá-lo a atingir os melhores resultados possíveis em 2020 neste campeonato, que tradicionalmente é muito disputado”

Bob Vavrik, diretor da Charouz Racing System

Calendário F2 2020:

  1. Sakhir, Bahrein – 20 a 22 de março
  2. Zandvoort, Holanda – 1º a 3 de maio
  3. Barcelona, Espanha – 8 a 10 de maio
  4. Monte Carlo, Monaco – 21 a 23 de maio
  5. Baku, Azerbaijão – 5 a 7 de junho
  6. Spielberg, Áustria – 3 a 5 de julho
  7. Silverstone, Reino Unido – 17 a 19 de julho
  8. Budapest , Hungria – 31 de julho a 2 de agosto
  9. Spa-Francorchamps, Bélgica – 28 a 30 de agosto
  10. Monza, Itália – 4 a 6 de setembo
  11. Sochi, Rússia – 25 a 27 de setembro
  12. Yas Marina, Emirados Árabes – 27 a 29 de novembro

Foto destaque Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *